CACHOEIRA DE GRAÇA

terça-feira, 29 de maio de 2012
"Veio, porém, a lei para que a ofensa abundasse; mas, onde o
pecado abundou, superabundou a graça" (Romanos 5:20).

"Você se enche da graça como um homem enche seu cálice
debaixo de uma cachoeira." (Annie Dillard)

E como é bom estar debaixo da graça abundante do Senhor!
Como é bom encher o coração da presença de Deus. Como é bom
saber que a graça do Senhor nos resgatou do mundo para uma
grande salvação.

Eu quero estar debaixo da cachoeira das bênçãos do Senhor.
Quero encher minha vida do Seu perdão. Quero desfrutar de
Seus maravilhosos cuidados. Quero estar abrigado debaixo de
Sua graça.

Antes eu vivia no pecado, afastado do Senhor, sem alegria na
alma, sem motivação e sem sonhos. Encontrei a cachoeira da
graça de Deus e fui preenchido, transformado, redimido. Meu
cálice vazio se viu cheio de verdadeira felicidade.

Deus tem amor em abundância para dar. Deus tem gozo
abundante para dar. Deus tem paz abundante para dar. Sua
cachoeira de graça encobre toda dúvida, dissipa todo temor,
renova as nossas forças, apaga a velha natureza carnal e
restaura todo nosso ser, enchendo nossos cálices de grandes
momentos de vitória.

Se eu enfrento um momento de angústia, a graça do Senhor faz
transbordar de regozijo o meu coração. Se eu passo por
momentos de enfermidade, a graça do Senhor alivia minhas
dores e renova as minhas esperanças. Se as dificuldades
financeiras tentam tirar a minha paz, a graça do Senhor me
lembra que Ele prometeu suprir todas as minhas necessidades.
A qualquer instante, em qualquer situação, posso chegar
debaixo da cachoeira da graça do Senhor e contar com toda a
abundância de Seu amor.

Você enche seu cálice com conta-gotas ou já aprendeu a
colocá-lo debaixo da cachoeira do Senhor?

FRACASSO? NÃO ACREDIDE NISSO!

quinta-feira, 24 de maio de 2012

"... não temas, porque eu sou contigo" (Gênesis 26:24).

Quando Gilbert Frankau estava produzindo uma peça teatral,
recebeu, de uma agência, um jovem ator para ser testado para
desempenhar o papel principal. Após realizar o teste,
Gilbert Frankau telefonou para a agência. "Este homem", ele
disse, "nunca será um ator. Ele não sabe atuar e jamais
saberá. Seria melhor você aconselhá-lo a procurar outra
profissão ou acabará passando fome. A propósito, diga-me seu
nome novamente para que o risque de minha lista". O nome do
ator era Ronald Colman, que se tornou um dos mais famosos
atores que o cinema já conheceu.

Muitas vezes deixamos que uma frustração passageira abale
nossa tranquilidade e destrua nossas esperanças. Se alguma
coisa não dá certo, murmuramos, perdemos a motivação e
desistimos de novas tentativas. Porém, o Senhor nos disse
que somos mais que vencedores. E, se a vitória é certa, por
que desanimar? Por que desistir? Por que não insistir?

Se temos sonhos a realizar e eles parecem difíceis de serem
atingidos, coloquemos nossa ansiedade no altar de Deus,
confiemos em Sua atuação, descansemos e logo tudo mudará. O
Senhor está conosco; Ele caminha ao nosso lado; Ele nos
sustenta e nos ajuda; a derrota nunca nos alcançará!

Se o primeiro quarteirão nos trouxe insucesso, caminhemos o
segundo. Se o segundo quarteirão ainda se mostrou contrário
às nossas expectativas, apressemo-nos a seguir o terceiro.
Se a nova investida fracassar, tratemos de recomeçar e
seguir o quarto, o quinto e o sexto. Desistir, jamais! Nós
venceremos!

Muitas vezes o inimigo de Deus cochicha em nossos ouvidos:
"Você é um fracasso". Esse é o trabalho dele.Mas, ao mesmo
tempo, o Senhor nos assegura: "Não temas que eu sou
contigo". Eu prefiro ouvir o que o Senhor Jesus fala e
rejeito completamente todas as insinuações do diabo.

Jesus está em meu coração. Ele está sempre comigo. Com Ele
eu vencerei sempre. E você?

CACHOEIRA DE GRAÇA

sábado, 19 de maio de 2012

"Veio, porém, a lei para que a ofensa abundasse; mas, onde o
pecado abundou, superabundou a graça" (Romanos 5:20).

"Você se enche da graça como um homem enche seu cálice
debaixo de uma cachoeira." (Annie Dillard)

E como é bom estar debaixo da graça abundante do Senhor!
Como é bom encher o coração da presença de Deus. Como é bom
saber que a graça do Senhor nos resgatou do mundo para uma
grande salvação.

Eu quero estar debaixo da cachoeira das bênçãos do Senhor.
Quero encher minha vida do Seu perdão. Quero desfrutar de
Seus maravilhosos cuidados. Quero estar abrigado debaixo de
Sua graça.

Antes eu vivia no pecado, afastado do Senhor, sem alegria na
alma, sem motivação e sem sonhos. Encontrei a cachoeira da
graça de Deus e fui preenchido, transformado, redimido. Meu
cálice vazio se viu cheio de verdadeira felicidade.

Deus tem amor em abundância para dar. Deus tem gozo
abundante para dar. Deus tem paz abundante para dar. Sua
cachoeira de graça encobre toda dúvida, dissipa todo temor,
renova as nossas forças, apaga a velha natureza carnal e
restaura todo nosso ser, enchendo nossos cálices de grandes
momentos de vitória.

Se eu enfrento um momento de angústia, a graça do Senhor faz
transbordar de regozijo o meu coração. Se eu passo por
momentos de enfermidade, a graça do Senhor alivia minhas
dores e renova as minhas esperanças. Se as dificuldades
financeiras tentam tirar a minha paz, a graça do Senhor me
lembra que Ele prometeu suprir todas as minhas necessidades.
A qualquer instante, em qualquer situação, posso chegar
debaixo da cachoeira da graça do Senhor e contar com toda a
abundância de Seu amor.

Você enche seu cálice com conta-gotas ou já aprendeu a
colocá-lo debaixo da cachoeira do Senhor?

SEGUNDA FEIRA ENCERRAMENTO DO CONGRESSO DAS SENHORAS EM AREIAS/CAMBORIU/SC

quinta-feira, 17 de maio de 2012

O VERDADEIRO OU O DAS FÁBULAS?

segunda-feira, 14 de maio de 2012

"Tenho-vos dito isto, para que em mim tenhais paz; no mundo
tereis aflições, mas tende bom ânimo, eu venci o mundo"
(João 16:33).

A pregação alcança homens; a oração alcança Deus. O pastor
que não é um homem de oração é um pastor de brincadeira. A
congregação que não é uma congregação de oração é uma
congregação desviada. Para sermos muito para Deus precisamos
ser muito com Deus." (Dr. Ravenhill)

E nós, o que somos? Somos muito com Deus, por buscarmos
constantemente Sua presença ou,por não viver uma vida junto
ao Senhor, mesmo pensando que somos muito para Deus, na
realidade, não passamos de pouco ou nada para Ele?

Muitos, hoje, nas congregações, por buscarem outros
interesses, estão deixando o Senhor e vivendo suas próprias
vidas. Não vemos mais o Jesus Salvador, não vemos mais o
Jesus Libertador, não vemos mais o Jesus que enche os
corações com o Espírito Santo. Parece que o único Jesus de
nossas igrejas é o que enriquece, que paga as dívidas, o que
faz do homem uma pessoa de fama e prosperidade. Parece um
Jesus investimento, onde todos aplicam seu dinheiro, na
expectativa de um lucro grande e rápido!

Não é esse o Jesus da Bíblia! O que vemos nas Escrituras é
um Jesus de amor, que perdoa pecados, que salva o pecador,
que nos advertiu sobre aflições e angústias, sobre problemas
e tentações, sobre a dificuldade do caminho. O Jesus das
Escrituras nos mostra momentos de crise, de tempestades, de
solidão, e até de desespero. Mas mostra também que está
conosco, nos mostra que podemos contar com Sua ajuda, que
com Ele somos mais que vencedores.

O Jesus das fábulas encantadas, da vida num paraíso
constante, do dinheiro fácil e sem labuta... não é o Jesus
da Bíblia, não é o meu Jesus.

O que o meu Jesus prometeu e disso eu tenho plena convicção,
é que supriria todas as minhas necessidades e que, se eu o
buscasse de coração, em primeiro lugar, me daria tudo de que
precisasse, até a riqueza, caso seja essa a Sua vontade.

Receba o verdadeiro Jesus em seu coração.

NÃO QUERO IR PARA LÁ!

sexta-feira, 4 de maio de 2012
"E não temais os que matam o corpo e não podem matar a alma;
temei antes aquele que pode fazer perecer no inferno a alma
e o corpo" (Mateus 10:28).

Um motorista americano foi carregado, inconsciente, depois
de bater com seu carro. Ele foi conduzido para um lugar
próximo a um posto de gasolina. Enquanto era socorrido, ele
voltou à consciência e, ao abrir os olhos, começou a se
debater freneticamente. Após recobrar-se completamente, ele
explicou, aos que o socorriam, o motivo de seu desespero: "A
primeira coisa que vi, ao abrir os olhos, foi a placa
"Shell" e alguém estava em frente à letra "S". O que li foi
apenas "hell" (inferno, em inglês)!

Muita gente diz que não crê no inferno. Para estes o inferno
não existe ou é aqui mesmo na terra. Zombam dos que buscam
uma vida santa e separada e até dizem que o inferno deve ser
melhor do que a calmaria do Céu. Porém, quando se vêem
diante da morte, um pavor toma conta de suas vidas -- o de
ir para o inferno!

Alguém pode pensar: "E se o inferno mostrado nas Escrituras
não existir? Por que eu devo me preocupar? Por que devo me
abster dos prazeres mundanos se não tenho certeza de que o
inferno existe?" E se existir? Teria valido a pena trocar a
bênção de estar, para sempre, com Jesus, por uns poucos
momentos de aparente prazer?

Outro alguém pode pensar: "E se eu viver corretamente,
afastar-me de vícios e mentiras, passar os meus dias
louvando a Deus e testificando das bênçãos de ter Jesus no
coração e, ao final, descobrir que o inferno não existe?"
Bem, esse outro alguém terá vivido abundantemente e
desfrutado do prazer de ser muito feliz aqui neste mundo.

Sempre será melhor viver na presença de Deus. Sempre será
mais agradável passar os dias debaixo da proteção do Senhor.
Sempre seremos mais felizes se nos afastarmos dos enganos
deste mundo.

Eu estou certo de uma coisa: não quero ir para o inferno.
Quero passar a eternidade ao lado do meu querido Salvador.
Quero adorá-lo noite e dia. Não quero estar um segundo
sequer longe de Seu altar. Não quero que meu nome esteja
fora do Livro da vida. Eu quero ir para o Céu!

Eu creio que o inferno existe e não quero, de maneira
alguma, ir para lá!

Preparados... Todos Os Dias

quinta-feira, 3 de maio de 2012

"Vigiai, pois, porque não sabeis o dia nem a hora em que o
Filho do homem há de vir" (Mateus 25:13).

Uma empregada, cujo patrão e esposa estavam fora, não sabia
quando retornariam. Uma amiga a visitou e, parecendo
bastante cansada, entrou para descansar. Ao levantar-se, viu
que a amiga estava preparando cuidadosamente a mesa para o
chá, como se os patrões estivessem para chegar naquela hora.
Ela perguntou se os patrões estavam retornando naquele dia e
a amiga respondeu: "Eu não sei. Como o dia é incerto, eu
tenho tudo preparado, todos os dias."

Será que nós, cristãos, estamos prontos e preparados, todos
os dias, para a volta de nosso Senhor? Não sabemos
exatamente o dia em que Ele voltará para buscar os Seus, e,
o melhor que podemos fazer, é estarmos sempre prontos para
recebê-lo, com nossas vestes limpas e a vida preparada para
a Sua chegada.

Como Jesus nos encontraria, caso voltasse hoje? Nossas vidas
estariam brilhando? Nossas palavras seriam fonte de bênçãos?
Nossas atitudes estariam glorificando o Seu nome? Nosso
trabalho estaria promovendo o Seu reino? Estaríamos
preparados para ir com Ele para as moradas celestiais?

Eu não quero ser encontrado despreparado. Não quero que o
meu Senhor chegue e me encontre negligenciando as coisas
espirituais. Não quero que Ele me veja indiferente à Sua
obra e aos que estão fora do caminho. Não quero que me
encontre envolvido com atitudes que não engrandeçam o Seu
santo nome. Quero que me chame de servo bom e fiel e não de
servo inútil e mau. Quero ver em Seu rosto um sorriso. Quero
poder abraçá-lo e dizer: "Estava ansioso e pronto para Sua
volta!

Você tem estado preparado para a volta do Senhor? Todos os
dias?