HOJE GRANDE CULTO DA MOCIDADE NA AD-IRIRIÚ TODA A UMADEVILLE REUNÍDA!

sábado, 29 de setembro de 2012

É FALSO O PAPIRO QUE DESCREVE A VIDA TERRENA DE CRISTO

sexta-feira, 28 de setembro de 2012



O professor Francis Watson da Universidade de Durham refutou a autenticidade do papiro que alegadamente continha pormenores da vida terrena de Jesus Cristo.

O professor britânico chegou à conclusão que o fragmento, que provocou uma grande discussão nos meios científicos, é uma falsificação e representa uma compilação de fragmentos do verdadeiro Evangelho segundo Tomás em língua copta.

Anteriormente, a professora Karen King da Universidade de Harvard afirmava que tinha descoberto novos dados sobre a vida de Cristo, incluindo o seu matrimónio com Maria Madalena.

Com base no estudo de um pequeno fragmento de papiro, contendo oito linhas e datado do século IV, ela tirou a conclusão que, não só Cristo existiu realmente, mas que também tinha família. King informou que o papiro lhe foi entregue por um desconhecido com um pedido para o traduzir.

quinta-feira, 27 de setembro de 2012

 
Todo verdadeiro cristão está biblicamente comprometido com a integridade e a felicidade da família. É a vontade de Deus que a família seja preservada das malévolas influências culturais, sociais, políticas e filosóficas de uma sociedade secular, ateia e anticristã. É necessário que Deus e as Escrituras sejam o centro da família. É essencial que cada um dos membros familiares reconheça que o lar somente é cristocêntrico, quando as decisões domésticas consideram a vontade de Cristo e os ensinos das Escrituras. Às vezes, não buscamos a vontade de Deus para as decisões que desejamos assumir a respeito de certos assuntos familiares, e, depois, desejamos que Ele nos socorra das ações equivocadas que adotamos. Quão maravilhoso é ouvirmos as Escrituras e seguirmos a vontade de Cristo para a família! Portanto, antes de agir, ore! Antes de decidir, leia as Escrituras!

SÓ UMA COISA ME PREOCUPA!!!

segunda-feira, 24 de setembro de 2012
"A tua palavra é a verdade desde o princípio, e cada um dos
teus juízos dura para sempre" (Salmos 119:160).

Dizem que dois incrédulos estavam conversando e um disse
para o outro: "Só existe uma coisa que me preocupa. Se não
fosse isso eu seria profundamente feliz. Essa coisa fica
diante de mim e me assombra dia e noite". "Diga", disse o
outro incrédulo, "qual é essa coisa?" A resposta do primeiro
incrédulo foi: "Eu tenho medo de que a Bíblia seja
verdadeira". Sim, ele tinha motivos para se preocupar. E o
que era motivo de preocupação do incrédulo é motivo de muita
alegria para o cristão, que sabe que as Escrituras são
verdadeiras.

Que bom é estar seguro na fé em nosso Senhor Jesus Cristo.
Que maravilhoso é poder crer na Palavra de Deus e no
cumprimento de Suas promessas. Que regozijo temos no coração
por poder dizer sem medo de errar: "A Tua Palavra é a
verdade!"

Quando confiamos na Palavra do Senhor e a colocamos em
prática, nossos dias são mais abundantes, nosso caminhar é
mais tranquilo, nosso rosto brilha mais e a transformação
que ela opera em nossas vidas surpreende a todos que nos
conhecem.

O incrédulo vive em sobressaltos. Ele não tem onde se
amparar e as dúvidas corroem sua alma. Se a Bíblia não fosse
verdadeira, os cristãos nada perderiam e ainda ganhariam uma
forma de viver muito mais prazerosa. Os incrédulos, pelo
contrário, nada ganham, sendo a Bíblia verdadeira ou não.

Nós cremos em Deus. Cremos em Seu Filho Jesus Cristo. Cremos
na Bíblia como Palavra de Deus. Nada temos a temer, nada
temos para nos preocupar.

A nossa fé nos anima; nossa fé nos fortalece; nossa fé nos
conduz por campinas de tranquilidade. Não temos a
preocupação daquele incrédulo de nossa história, e, por
isso, podemos dizer com toda sinceridade: "Somos plenamente
felizes!"

INVESTIMENTO VALIOSO

terça-feira, 18 de setembro de 2012
"Porque a palavra de Deus é viva e eficaz, e mais penetrante
do que espada alguma de dois gumes, e penetra até à divisão
da alma e do espírito, e das juntas e medulas, e é apta para
discernir os pensamentos e intenções do coração" (Hebreus
4:12).

Andrew Young, antigo embaixador americano para as Nações
Unidas, persuadiu os formandos da Universidade de Maryland a
adquirir uma Bíblia e ler um capítulo por dia. "Não trará
danos a vocês", disse ele no início de seu discurso, "e lhes
dará mais iluminação e propósito na vida". É melhor investir
15 dólares em uma Bíblia, agora, do que 25 dólares por hora
em um psiquiatra, mais tarde."

Quando investimos nas coisas celestiais, estamos acumulando
um tesouro que valerá mais do que todo o ouro e prata do
mundo. Quando buscamos, na Palavra de Deus, uma forma de
viver abundantemente, não desperdiçamos nosso tempo, não
corremos o risco de nos arrepender lá adiante, não colhemos
frustrações e decepções, e jamais diremos: "Foi tudo em
vão".

Quando investimos somente em sucesso e fama; em poder e
riquezas; em rancor e ressentimento; em avareza e
mesquinharia; em mentiras e hipocrisia; não recebemos as
bênçãos do Senhor, não alcançamos as vitórias almejadas, não
encontramos a verdadeira felicidade, não temos vida e só
temos um pensamento: "De que adiantou?"

A Bíblia nos ensina a amar e a viver o amor de Deus. Ela nos
motiva a crer e esperar sempre pela vitória. Ela nos faz
perseverar, confiar sempre e não desistir jamais. Ela nos
enche de fé para aguardar, com grande gozo, o cumprimento
das promessas do Senhor.

Em que você está investindo o seu tempo? Quando investimos
no Senhor, tudo o mais poderá ser alcançado, não por nossa
força, mas, através do poder e das bênçãos de nosso Deus.



quinta-feira, 13 de setembro de 2012

INGENUIDADE OU CEGUEIRA ESPIRITUAL ?

quarta-feira, 12 de setembro de 2012

"Nos quais o deus deste século cegou os entendimentos dos
incrédulos, para que lhes não resplandeça a luz do evangelho
da glória de Cristo, que é a imagem de Deus" (2 Coríntios
4:4).

Um novato ganhou o prêmio de Ciências em uma Feira, nos
Estados Unidos. Em seu projeto, ele persuadiu as pessoas a
assinar uma petição exigindo controle rígido ou eliminação
total da substância química "monóxido dihydrogênio ". E
tinha muitas boas razões: 1. Pode causar vômitos e suor
excessivo. 2. É um componente forte nas chuvas ácidas. 3. Em
seu estado gasoso, pode causar sérias queimaduras. 4. A
inalação acidental pode levar à morte. 5. Contribui para
erosão. 6. Diminui a efetividade em freios de automóveis. 7.
Foi achado em tumores de pacientes terminais com câncer. Ele
perguntou a 50 pessoas se elas ajudariam em uma tentativa de
proibição da substância química. Quarenta e três disseram
que sim e seis ficaram indecisas. Só uma sabia que a
substância química, "monóxido dihydrogenio " era água. O
título de seu projeto premiado foi: "Quão ingênuos Nós
somos?" A sua conclusão foi óbvia.

Há pessoas que acreditam em tudo e outras que não acreditam
em nada. Basta aparecer alguém, com um discurso eloquente e
bem preparado e... uma grande quantidade de pessoas o
seguem. São levadas de um lado para outro sem a menor
dificuldade. Não pensam, não buscam subsídios, não procuram
comprovar o que foi dito. E, quando percebem que foram
enganadas, voltam e seguem outras pessoas com a mesma
ingenuidade.

Nos últimos séculos, muitos procuraram desacreditar a
Palavra de Deus. Muitos disseram que eram histórias
inventadas e que logo desapareceria. Proclamaram outros
caminhos, outras verdades, outros ensinamentos. Muitos os
seguiram, muitos se perderam, muitos se decepcionaram,
muitos deixaram de viver a felicidade verdadeira.

E a Bíblia não desapareceu. Ela não perdeu sua validade. Ela
não pôde ser desacreditada. Ela continua sendo a luz do
caminho de muitos, a bênção de muitos lares, o motivo da
transformação de muitos rebeldes, o mapa que conduz à vida
abundante e eterna.

Muitos não acreditam, ainda, em Deus. E por que será? Por
ingenuidade ou por cegueira espiritual?

A UMADEVILLE ESTARÁ EM JARAGUÁ DO SUL SÁBADO

O ÔNIBUS SAIRÁ DA AD-FÁTIMA AS 18:00 HORAS NO SÁBADO DIA 15/09 AIND HÁ LUGAR, CUSTO ZERO!